Futsal: Rodada suspensa será retomada nesta terça

0
Partida entre Ewaldo Prass e Marvados terá prosseguimento nesta terça a partir do ponto em que foi interrompida conforme o placar eletrônico - Crédito: Tiago Garcia / JC

A Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Esporte, organizadora do Campeonato Municipal de Futsal, divulgou na manhã desta segunda (9), a decisão administrativa relativa a suspensão da partida entre Marvados x Ewaldo Prass/Login Celulares após o árbitro Ilário Rusch ser atingido no rosto por um objeto arremessado por um torcedor não identificado. Em razão da agressão, Ilário e o árbitro principal, Paulo Rusch, que é irmão do árbitro agredido, alegaram falta de segurança e decidiram sair de quadra e deixaram as dependências do Ginásio Municipal Walter Filter. Em razão do ocorrido, o secretário Flávio Kochenborger suspendeu a partida entre Marvados x Ewaldo Prass e a sequência da rodada com o confronto entre Garrão Rachado x Maxxy/Colégio Medianeira.

Após analisar os fatos e o regulamento, Kochenborger comunicou que a partida entre Marvados e Ewaldo Prass seguirá do ponto onde foi interrompido, com os mesmos jogadores e mantido os cartões amarelos aplicados até o momento da interrupção da partida. O seguimento da partida entre Marvados x Ewaldo Prass terá início a partir das 20h, sendo seguido o jogo a partir de 8.06 no cronômetro, com o placar eletrônico marcando 1 a 0 para o Marvados e no placar de faltas sendo registrado zero faltas para o Ewaldo Prass e duas faltas cometidas pelo Marvados. Após, ocorrerá o confronto entre Garrão Rachado x Maxxy/Colégio Medianeira, encerrando a 13ª rodada do municipal.

Já as partidas válidas pela 14ª rodada, que estavam programadas para serem realizadas nesta terça (10), conforme a tabela de jogos, foram transferidas para sexta (13) com os confrontos entre AJTF x Ewaldo Prass (veteranos), Olarias x Mercado Alternativo (veteranos), Juventus x Inova (livre) e Vila Real x Ewaldo Prass (livre).

O QUE DIZ A ASSOCIAÇÃO CANDELARIENSE DE ÁRBITROS

Procurado pela reportagem, o presidente da Associação Candelariense de Árbitros, Astor Ellwanger, preferiu não se manifestar sobre o fato, mas confirmou que a sequência da rodada terá continuidade com árbitros locais que integram o quadro da entidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here