Réu será julgado por tentativa de homicídio dia 22

0
Juri será realizado na próxima segunda no Fórum - Crédito: Arquivo / JC

Ocorre na próxima segunda (22), a partir das 9h15, no salão do juri da Comarca de Candelária, o julgamento de Jeferson Overbeck, vulgo Mano, 26 anos, que responde processo judicial por tentativa de homicídio. Overbeck é acusado de ter desferido disparos de arma de fogo contra Dionatan Bairros Schultz, em caso ocorrido no dia 3 de setembro de 2017, na rua Borges de Medeiros, próximo ao “Bico do Arado”.

Ferido com um disparo na altura da cabeça, Schultz conseguiu fugir, mas acabou colidindo o automóvel VW/Golf, placas INZ-8727 contra a parede de um bar. A vítima foi socorrida e encaminhada para atendimento médico no Hospital Candelária. Consta no processo que o réu teria agido por vingança contra vítima por ter mantido relacionamento com a companheira do denunciado.

O julgamento do caso terá acusação realizada pelo promotor Martin Albino Jora e a defesa do réu pela Defensoria Pública do Estado, com defensor a ser designado. A sessão será presidida pelo Juiz de Direito, Celso Roberto Mernak Fialho Fagundes, sendo o segundo juri que será realizado no novo Fórum da Comarca de Candelária.

PRIMEIRO JULGAMENTO

A primeira sessão do tribunal do júri foi realizada no dia 4 de outubro de 2021 e julgou Márcio José Vidal, vulgo Nenê, 31 anos, por tentativa de homicídio contra Valtair Andrade da Silva, em caso ocorrido no dia 27 de abril de 2015, na localidade de Vila União, região serrana de Candelária. Após debates de acusação e defesa no julgamento, o Juiz de Direito, Celso Roberto Mernak Fialho Fagundes proferiu sentença condenando o réu a três anos de reclusão em regime inicial aberto, com o réu permanecendo em liberdade, condição ao qual respondeu ao processo.

(OBSERVAÇÃO: Os nomes dos réus e vítimas estão citados nesta reportagem com autorização do Poder Judiciário).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here