Medianeira sai em vantagem na decisão da 2ª Copa Candelária de Futsal

No livre, Art Sul/Serrano e Barbearia Scherer fizeram jogo equilibrado e empataram em 3 a 3

0
Equipe candelariense, de azul, venceu o Verona e se aproximou do título. Foto: Fernando Cezar/JC

O Ginásio Walter Filter recebeu na noite dessa sexta-feira(6), as partidas de ida das finais da 2ª Copa de Candelária de Futsal. No feminino, o Medianeira venceu o SER Verona, e se aproximou do título, já no livre, Art Sul/Serrano e Barbearia Scherer empataram o confronto, enquanto que no sub-17, a Korpus Futsal superou o Clube Atlético Candelariense e tem vantagem para o jogo da volta.

OS JOGOS

A rodada abriu com a disputa da categoria Sub-17. Korpus e Atlético fizeram um jogo equilibrado, com muitos embates e bons lances. A Korpus venceu a partida pelo placar de 3 a 1, e agora depende de apenas um empate para levantar a taça. Vitória do Atlético leva a partida para a prorrogação. Gols da partida foram marcados por Erick Schünke (2) e Gilvano Weide (Korpus), e Régis (Atlético).

Quem também conquistou vantagem no jogo de ida e só depende de um empate para ser campeão, foi a equipe do Colégio Medianeira, na categoria feminina. As meninas do time candelariense venceram com autoridade o SER Verona, de Vera Cruz, por 5 a 2, com gols marcados por Thaline (2), Pulga, e a artilheira da competição, Sueli (2). Os gols do Verona foram anotados por Marília.

Na grande decisão do livre, a partida entre Art Sul/Serrano, de Sobradinho, e Barbearia Scherer, de Vale do Sol, foi marcada pelo equilíbrio. O time valesolense saiu na frente, com gol de Zeca, em chute cruzado, aos sete minutos de jogo. Em seguida, dois minutos depois, Luis Felipe, do Art Sul, colocou a bola na área adversária, e o fixo Juliano acabou marcando contra, deixando o placar em igualdade.  Restando pouco mais de quatro minutos para o fim do primeiro tempo, a equipe da Barbearia voltou a marcar, dessa vez em um contra-ataque, com Tavinho, dando números finais ao primeiro tempo.

Já na segunda etapa, logo aos 25 segundos de partida, o Barbearia anotou seu terceiro gol, com Pedrinho, novamente em um contra-ataque. Com a desvantagem o time de Sobradinho foi para cima, e um minuto depois descontou em chute cruzado de canhota com Talisson, em seguida, cerca de dois minutos após o gol, a arbitragem marcou pênalti para o Art Sul/Serrano. Tevez foi para a bola e bateu firme, rasteiro, no canto direito do goleiro valesolense, dando números finais para a partida. Com o resultado, uma vitória simples de qualquer uma das equipes garante o título. Novo empate leva o jogo para a prorrogação.

Os jogos de volta ocorrem na próxima sexta-feira (13), a partir das 20h, no Ginásio Walter Filter. A entrada é por meio de contribuição espontânea e todo o lucro será revertido para as equipes que disputam a final.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here