Homem é encontrado desacordado na ERS-410

Vigilante de 66 anos estaria retornando para a cidade de bicicleta quando sofreu uma possível queda

0

Um possível atropelamento ou até mesmo uma queda podem ter sido a causa dos ferimentos do vigilante Januário da Silva, de 66 anos. Ele foi encontrado caído às margens da ERS-410, na noite de segunda-feira (30), por volta das 20h, próximo à entrada da localidade de Picada Escura, num trecho de descida. Silva que estava numa bicicleta, foi localizado por moradores e foi socorrido pelo Samu. Ele segue internado no Hospital Candelária, e seu estado de saúde é estável. O vigilante apresenta ferimentos na cabeça e pernas, mas não houve fraturas.

Januário da Silva, de 66 anos. Foto: Divulgação

De acordo com o aposentado João Augusto de Lima, proprietário da chácara onde o vigilante trabalha esporadicamente, Januário estaria retornando para a cidade quando ocorreu o acidente. O aposentado e sua mulher contrataram o vigilante para cuidar do sítio, enquanto estavam no litoral. O homem teria sido liberado da função, por volta do meio-dia, quando recebeu o pagamento e teria seguido para a cidade, onde à noite trabalharia de segurança numa revenda de veículos. Januário trazia consigo na bicicleta, uma sacola com mantimentos, possivelmente adquiridos no trajeto, pesando cerca de 40 quilos. O peso do material pode ter auxiliado numa possível queda, pois não foi localizado marcas de frenagem na pista, nem estilhaços de veículo, que indicassem uma possível colisão.

O Hospital Candelária ainda não conseguiu contatar nenhum familiar de Januário, mas sabe-se que possui dois filhos. Um deles, uma mulher, seria moradora do bairro Rincão Comprido, entre a Rua Silvio Pinto e Rua do Cerro. O vigilante reside na Rua Amândio Silva. Qualquer informação sobre a localização de seus familiares pode ser feita ao Hospital Candelária, pelo fone 3743-1511.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here