Campanha de Vacinação contra a pólio é prorrogada até 21 de novembro

Baixa cobertura fez prazo ser ampliado; Candelária alcançou somente 45% da meta

0
Crianças de 1 a 5 anos devem fazer a vacinação contra a poliomielite. Foto: Fernando Cezar/JC

Longe da meta estipulada pelo Ministério da Saúde, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e de Multivacinação foi prorrogada até o dia 21 de novembro. A nova data foi estipulada pelo governo do estado devido à baixa cobertura vacinal registrada em todo o Rio Grande do Sul. Até o começo da semana, a cobertura estava em 48,2%, longe da meta que é de 95% do público-alvo.

Em Candelária, até o momento, a busca pelas vacinas tem sido bem tímida. Somente 45% do público destinado a receber as doses foi até o Pam Central para se imunizar. O restrospecto gerou preocupação na secretaria de Saúde do município que já pensa em ações para fazer com que o público que ainda não recebeu as doses, compareça nos próximos dias ao setor de imunizações.

Conforme a enfermeira responsável pelo setor, Franciele Schwantz, já estão sendo feitas buscas ativas e reuniões com o objetivo de promover mais ações a nível municipal para que as crianças que ainda não receberam a dose da vacina, possam recebê-la. “Temos tido uma procura muito baixa e isso nos preocupa bastante. Esperamos que com a prorrogação da campanha possamos melhorar esses números”, afirmou.

Entre as ações previstas, está a promoção de um Dia D a mais do previsto, como foi feito durante a primeira metade da campanha de vacinação. “Nós tivemos um Dia D, no dia 17, muito proveitoso. Uma boa porcentagem de crianças foi vacinada, por isso temos a intenção de promover um dia a mais dessa mobilização para abranger ainda mais o público-alvo”, destacou.

CAMPANHA
A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite e de Multivacinação para atualização da caderneta iniciou no dia 5 de outubro. Ela tem como objetivo reduzir o risco de reintrodução do poliovírus selvagens, o qual não é detectado desde o ano de 1989 no país, além de atualizar a situação vacinal de crianças e adolescentes e aumentar as coberturas vacinais.

Além da prorrogação da campanha, será promovida a realização de um Dia D. Ela será vai ocorrer no último dia de campanha, no dia 21 de novembro, um sábado, das 8h às 16h, sem interromper ao meio-dia.

O grupo alvo da vacinação contra a poliomielite são crianças de 1 ano a 5 anos de idade. No município, a aplicação das vacinas está sendo feita apenas no Pam Central, das 7h30 às 11h, e das 13h30 às 17h.

Para a multivacinação, o público-alvo são as crianças e adolescentes menores de 15 anos. Serão ofertadas todas as vacinas do calendário básico de vacinação da criança e do adolescente, para diminuir o risco de doenças imunopreveníveis e reduzir as taxas de cartão vacinal incompleto, fato que somado à pandemia, baixou os índices de cobertura não só no município, mas como no país todo.

Fique por dentro

>> O QUE: Campanha vacinação contra a poliomielite e multivacinação

>> QUANDO: prorrogada até o dia 21 de novembro;

>> ONDE: Apenas no PAM Central, na Rua 25 de Agosto

>>QUEM DEVE RECEBER A IMUNIZANTE: Crianças de 1 a 5 anos, no caso da poliomielite e crianças e adolescentes até os 15 anos para a multivacinação;

DIA D: Será realizado no dia 21 de novembro, último dia de campanha. A mobilização ocorre no Pam Central, das 8h às 16h, sem fechar ao meio-dia.

>> A aplicação das vacinas está sendo feita apenas no PAM Central, das 7h30 às 11h, e das 13h30 às 17h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here