Alunos do Colégio Medianeira se engajam na doação de brinquedos

Itens arrecadados foram encaminhados para a secretaria de Assistência Social, que doará a crianças em situação de vulnerabilidade

0
Foram entregues mais de cem brinquedos doados por alunos do 1º ao 4º Ano do Ensino Fundamental. Foto: Divulgação/JC

O período de pandemia de coronavírus e consequente distanciamento social agravou a situação de muitas famílias brasileiras, principalmente daquelas que já enfrentavam problemas socioeconômicos. Em Candelária, o cenário não foi diferente. Para amenizar a dificuldade dessas pessoas, em especial das crianças, o Colégio Nossa Senhora Medianeira aproveitou o projeto “Resgatando Valores – Boas Ações e boas atitudes” e executou diversas atividades voltadas a estimular o afeto, o respeito e a empatia.

A última ação aconteceu no dia 17 de setembro, quando uma representação de professores e o padre José Carlos Stoffel, um dos representantes do movimento Candelária Solidária, entregaram à Secretaria de Assistência Social mais de cem brinquedos doados por alunos do 1º ao 4º Ano do Ensino Fundamental. Esse momento foi a culminância de um projeto que, em diversas etapas, colocou em prática a responsabilidade de dar carinho e atenção àqueles que mais precisam. “Foi trabalhada a importância de cultivar vínculos afetivos, ainda mais nessa época”, disse a diretora interina Luziane Mozzaquatro.

Ela relatou que, a cada dia, as crianças foram instigadas a refletir e praticar um novo ato de amor: ligações para amigos e familiares; frases de afeto a pessoas especiais. “Ações rápidas e simples que podem fazer a diferença no dia a dia”, considerou. Depois, elas foram convidadas a doar um brinquedo novo ou usado, que estivesse em bom estado, durante um drive-thru, no qual foram entregues aos alunos pareceres e retornadas atividades conferidas pelas professoras. A ação foi um sucesso! Até porque, além dos presentes, os alunos escreveram e ilustraram cartas especiais, para que o ganhador soubesse quem doou o brinquedo. O drive-thru aconteceu nos dias 6 e 7 de agosto. “Fomos surpreendidos positivamente pela adesão das famílias, que demonstraram que, mesmo de longe, o vínculo com as ações promovidas pelo Colégio se mantém”, destacou.

No dia de 17 de setembro, os brinquedos foram entregues para a assistente social responsável pela organização da Casa Lar, Elisangela Carvalho; a assistente social e coordenadora do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), Tais Bassani Costa; para a coordenadora do Centro de Convivência da Assistência Social (CECOAS), Muriel Josiane de Campos; e para o secretário de Assistência Social e Habitação, Theonas Porto. A expectativa é de que os brinquedos cheguem até as crianças em situação de vulnerabilidade na semana do Dia da Criança.

A IDEIA

As ações foram elaboradas pelas professoras responsáveis pelas turmas de 1º ao 4º Ano do Ensino Fundamental, durante reuniões online com a equipe diretiva. O desafio era pensar a melhor forma de sensibilizar os alunos, que também estavam distantes, tendo aulas remotas. Para a motivação, foi trabalhada, no planejamento pedagógico, a história “O Pequeno Príncipe”, que desencadeou as tarefas diárias de afeto e culminou na doação de brinquedos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here